Vírus do Nilo preocupa cientistas norte-americanos

Sessenta e seis pessoas morreram e centenas estão infectadas

16 setembro 2003
  |  Partilhar:

Um grupo de cientistas dos EUA apresentou um panorama alarmante sobre a epidemia do vírus do Nilo que afecta a América do Norte pelo segundo ano consecutivo. O vírus já matou 66 pessoas desde o início do Verão só em território norte-americano.
 

 

Esta situação é idêntica à do ano passado, indicou Lyle Petersen, responsável do Centro de Controlo de Doenças norte-americanas, e comparou esta epidemia com a de 2002, onde 284 pessoas morreram devido a este vírus, num total de 4.156 infecções detectadas.
 

 

Para o professor Hervé Zeller, investigador no Instituto Pasteur de Lyon, França, a gravidade desta epidemia é devido à origem do vírus, que chegou a território americano em 1999, através de mosquitos provenientes do Médio Oriente. Por conseguinte uma origem bastante contagiosa que encontrou no território norte-americano o local certo para se propagar. Até ao momento, 3.541 pessoas foram infectadas em 44 Estados e chegou-se à conclusão de que o vírus é transportado pelos pássaros e pelos mosquitos.
 

 

Fonte: Diário Digital
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.