Vírus do herpes simples contra o cancro
03 julho 2001
  |  Partilhar:

O vírus do herpes simples é a base de um tratamento capaz de parar o crescimento de certos tumores cancerígenos, segundo uma das cientistas envolvidas na descoberta, Moira Brown.
 

 

 

Segundo Brown, o tratamento é um vírus do herpes simples modificado geneticamente (HSV 1716) e que já deu importantes resultados no tratamento do cancro cerebral ou "glioma", de pele ou melanoma e do pescoço.
 

 

A investigação deste tratamento começou em 1997 por uma equipa de cientistas da Universidade de Glasgow (Escócia), em associação com os laboratórios Crusade.
 

 

O tratamento consiste em injectar o vírus modificado no tumor cancerígeno de forma a conseguir travar o seu crescimento, explicou Brown, que trabalha há 33 anos na investigação do cancro.
 

 

As provas tanto em casos de glioma como de melanoma demonstraram que o HSV 1716 pode reagir e matar de forma selectiva as células do tumor sem produzir reacções adversas ao paciente.
 

 

O trabalho foi apresentado em Londres numa exposição científica que está aberta ao público desde terça-feira e que termina na quinta- feira, na qual numerosos investigadores de várias universidades e empresas britânicas, assim como representantes do Programa Científico da NATO e do serviço forense do Reino Unido, expõem inovações e técnicas das mais variadas aplicações.
 

 

 

Lusa
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.