Vida sexual de ciclistas em perigo

Journal of Sexual Medicine apresenta estudo sobre os prejuízos para homens e mulheres

20 outubro 2005
  |  Partilhar:

 

Andar de bicicleta pode em alguns casos prejudicar a vida sexual e provocar nos homens problemas irreversíveis de erecção, segundo uma série de recentes estudos médicos.
 

 

Um selim inadaptado pode bloquear a circulação sanguínea nos órgãos genitais e levar à impotência, sendo que as mulheres ciclistas podem também ter problemas sexuais devido a má vascularização e inervação do clítoris.
 

 

Um dos estudos também comparou as mulheres ciclistas com as corredoras mostra que as adeptas da bicicleta têm mais dificuldade em chegar ao orgasmo.
 

 

Uma dezena de estudos feitos desde 2000 - e resumidos em três artigos publicados por médicos na edição de Setembro do Journal of Sexual Medicine - estima que quatro a cinco por cento dos homens que andam regularmente de bicicleta sofre de impotência em diversos graus, explica o urologista e chefe de redacção do Journal of Sexual Medicine, Irwin Goldstein.
 

 

Fonte: Lusa
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.