Vida saudável após os 65 anos

Eurostat avalia bem-estar entre os europeus

22 setembro 2009
  |  Partilhar:

Portugal é o sexto país da UE onde as pessoas com 65 anos têm menos anos de vida saudável pela frente, apresentando os homens níveis de bem-estar mais elevados do que as mulheres, segundo o anuário de 2009 do Eurostat, o gabinete de estatísticas da União Europeia (UE), divulgado pela agência Lusa.

 

Em 2005, os homens portugueses de 65 anos podiam contar, em média, com mais seis anos de vida saudável, contando as portuguesas com cerca de cinco.

 

Entre os 27 Estados-membros, apenas os cidadãos da Letónia, Eslováquia, Hungria, Lituânia e Estónia estão atrás de Portugal. A Dinamarca ocupa o topo da tabela, com 13 anos para os homens e 14 para as mulheres, seguido de Malta, com dez e onze anos, respectivamente.

 

Por outro lado, dados referentes a 2006 indicam que, em Portugal, cerca de 9% dos homens tinham ficado "severamente incapacitados devido a problemas de saúde" nos últimos seis meses antes da realização do inquérito, enquanto, nas mulheres, esse valor registava os 13,4%.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.