Vencedor do Prémio Gulbenkian 2003 conhecido terça-feira

Galardão é atribuído anualmente desde 1976

28 junho 2003
  |  Partilhar:

O vencedor da edição de 2003 do Prémio Gulbenkian de Ciência, que vai premiar um trabalho no domínio das ciências sociais e humanas com 25.000 euros, é divulgado terça-feira na sede da Fundação, em Lisboa.
 

 

Ao galardão, considerado como um dos mais prestigiados prémios científicos atribuídos em Portugal, concorreram 71 candidaturas.
 

 

O Prémio Gulbenkian de Ciência é atribuído anualmente desde 1976 com o objectivo de estimular a criatividade e o rigor de investigação contemplando, rotativamente, três domínios científicos diferentes: ciências básicas, ciências aplicadas e tecnologias e ciências sociais e humanas.
 

 

No ano passado, o prémio distinguiu o trabalho de dois investigadores do Instituto de Farmacologia e Terapêutica da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto sobre as acções da dopamina em células renais imortalizadas.
 

 

Patrício Soares da Silva, 45 anos, professor Catedrático de Terapêutica Geral e Farmacologia Clínica na Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, e António Pedro de Barros Gomes, 32 anos, estudante de doutoramento (Biologia Humana) na Universidade do Porto foram os autores premiados.
 

 

Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.