Vacina contra a gripe não é eficaz

Organização Mundial de Saúde errou previsão

19 novembro 2003
  |  Partilhar:

A Organização Mundial de Saúde (OMS) errou na previsão da origem do vírus da gripe para este ano. Este erro não é inédito e presume-se que possa acontecer mais vezes, segundo avança a edição desta quarta-feira do Correio da Manhã.Em declarações a este jornal, o subdirector-geral da Saúde, Francisco George, afirma que a vacina deste ano só é eficaz em 50 por cento dos casos. Por seu lado, Pedro Sinas, investigador do Instituto Gulbenkian, adianta que «o vírus é imprevisível» e que por isso é sempre difícil fazer uma vacina 100 por cento eficaz. Segundo explicações do investigador, «o genoma dos vírus é composto por oito segmentos de RNA. Cada um destes segmentos codifica um a proteína, existindo duas que são mais importantes do ponto de vista da vacina, a Hemagotinina e a Neuraminidade».A primeira é a mais forte, por isso, a vacina deve actuar especialmente sobre ela. Com este erro da OMS, a eficácia hospitalar no combate à gripe pode ter ficado comprometida. A vacina deste ano pode apenas aliviar os efeitos da gripe, caso se confirme a origem dominante, diferente da que a OMS previa. Fonte: Correio da Manhã

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.