Vaca com BSE na ilha de São Miguel

Governo confirma existência

03 fevereiro 2004
  |  Partilhar:

O Governo açoriano confirmou esta terça-feira um caso de uma vaca com BSE na ilha de São Miguel, detectado a 21 de Janeiro pelo sistema de controlo e fiscalização da doença que funciona no arquipélago.Segundo uma fonte do Executivo Regional, o teste rápido ao animal em causa, foi efectuado no próprio dia do abate (21 de Janeiro) e confirmado sexta-feira por análises efectuadas em Lisboa.A mesma fonte assegurou ainda que, à semelhança dos casos anteriores verificados nas ilhas, todos os animais que estiveram em contacto com a vaca, filha de um animal importado da Alemanha nascida em Novembro de 1991, serão abatidos, assim como os seus descendentes.A mesma fonte garantiu também que nenhuma carcaça de bovino, com mais 30 meses, sai dos matadouros regionais antes de ser conhecido o resultado dos testes rápidos de despiste da BSE, uma medida implementada pelo Governo açoriano com o objectivo de garantir segurança aos consumidores.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.