Utentes esperam cerca de 6,9 meses por uma cirurgia

Dados divulgados pelo Ministério da Saúde

19 março 2007
  |  Partilhar:

 

Os utentes do Serviço Nacional de Saúde (SNS) esperavam em média, no ano passado, 6,9 meses por uma cirurgia, menos 1,7 meses do que no ano anterior, de acordo com dados do Ministério da Saúde.
 

 

As contas da tutela indicam que o número de inscritos baixou 6,6%, no geral, e 18,1% no grupo daqueles que esperam por cirurgia há mais de seis meses. O tempo de espera médio passou de 8,6 meses, em 2005, para 6,9, no ano passado, ou seja, uma redução de 1,7 meses de espera.
 

 

O Ministério da Saúde espera encurtar "significativamente" este tempo de espera e baixar o número de inscritos "a partir do momento em que os pequenos hospitais - hoje sem missão - forem convertidos em pólos de excelência de Cirurgia de Ambulatório".
 

 

De acordo com os dados sobre o desempenho do SNS, em 2005 e 2006 os actos cirúrgicos cresceram 5,4%. "As cirurgias programadas são agora mais 3,9% do que em 2004 e, em ambulatório, tiveram um crescimento de 9,7 %".
 

 

Fonte: Público
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.