Utentes dos centros de saúde marcam poucas consultas por telefone

Estudo realizado pela Entidade Reguladora da Saúde

27 abril 2009
  |  Partilhar:

Apenas 14% dos utentes dos centros de saúde marcam consultas por telefone e quase três em cada 10 desconhecem a existência de consultas de recurso para quem não tem médico de família, revela um estudo realizado pela Entidade Reguladora da Saúde (ERS).

 

O “Estudo do Acesso aos Cuidados de Saúde Primários do SNS [Serviço Nacional de Saúde]” foi realizado pela ERS para diagnosticar o acesso aos cuidados de saúde primários públicos, de forma a detectar pontos frágeis e a descobrir eventuais assimetrias regionais.

 

O inquérito concluiu que a maioria dos utentes está satisfeita com o acesso aos centros de saúde do SNS, mas aponta como aspectos negativos a baixa percentagem de utentes que marcam consultas por telefone e algum desconhecimento acerca do funcionamento dos serviços dos Centros de Saúde.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.