Utentes de Vila Real sem falta de médicos de família

Encontro Transmontano do Clínico Geral

06 junho 2006
  |  Partilhar:

 

O coordenador da Sub-região de Saúde de Vila Real afirmou que 99% dos inscritos nos centros de saúde do distrito têm médico de família, acrescentando que a cobertura não é total porque faltam dois médicos.
 

 

José Maria Andrade, que falava à margem do XXII Encontro Transmontano do Clínico Geral que decorreu na semana passada em Murça, salientou que a Sub-região de Saúde de Vila Real "se aproxima de uma taxa de cobertura de 100%".
 

 

O mesmo responsável acrescentou que os 2.500 inscritos sem médico de família são utentes do Centro de Saúde Um de Vila Real, que é a única unidade de saúde do distrito que não possui uma taxa de cobertura de 100 por cento. Para resolver esta situação, José Maria Andrade diz que são precisos apenas mais dois médicos. O responsável defende ainda a construção de um terceiro centro de saúde em Vila Real, um projecto que pretende retomar em breve.
 

 

O Encontro Transmontano do Clínico Geral reuniu em Murça cerca de 500 médicos que debateram temas como "Síndrome Metabólico", "Toxicodependência/Doença Crónica Recidivante" e "Medicina Geral e Familiar".
 

 

Fonte: Lusa
 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.