Uma “casa longe de casa”

Casa Ronald McDonald já acolheu as primeiras famílias

27 janeiro 2014
  |  Partilhar:

Na semana passada a Casa Ronald McDonald do Porto começou a acolher as primeiras famílias provenientes dos distritos de Lisboa, Viseu, Braga e do arquipélago da Madeira. Esta será a “casa longe de casa” para muitas das famílias que acompanham os filhos que estão em tratamento no Centro Hospitalar de S. João ou no IPO do Porto.
 

De acordo com o comunicado de imprensa, ao qual a Alert teve acesso, esta segunda Casa Ronald McDonald da Fundação Infantil Ronald McDonald (FIRM) funciona 365 dias por ano, 24 horas por dia, e está preparada para receber simultaneamente doze famílias.
 

Esta não é mais do que uma residência temporária para as famílias dos doentes, os quais podem gratuitamente, dormir, comer, tratar das suas roupas, descansar e encontrar apoio noutras famílias que vivem situações semelhantes.
 

As famílias são referenciadas para a Casa Ronald McDonald pelo Centro Hospitalar de S. João e pelo IPO do Porto, sendo o encaminhamento centralizado na Unidade de Ação Social do Serviço de Humanização do Centro Hospitalar de S. João.
 

Para a construção e equipamentos desta casa, inaugurada no dia 20 de novembro de 2013, a FIRM contou com os donativos que tem vindo a angariar junto de pessoas singulares e coletivas.
 

“Com a entrada das primeiras famílias na Casa Ronald McDonald Porto, a segunda em Portugal, esta cumpre a sua missão: ser a “casa longe de casa” para as famílias mais necessitadas que, vindas de longe, procuram, no maior hospital pediátrico do norte do país, cuidados de saúde para as suas crianças”, referiu Diretor Executivo e Administrador da Fundação Infantil Ronald McDonald, João de Sá Nogueira
 

“Contámos com o apoio de muitas entidades, instituições e pessoas, para que esta Casa pudesse ganhar vida. O apoio incondicional do Centro Hospitalar de S. João foi também fundamental para a concretização deste projeto. Neste momento de grande emoção, o nosso agradecimento vai para todos quantos nos ajudaram, e continuam a ajudar”, acrescentou.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.