Um terço das crianças portuguesas tem problemas nos pés

Estudo do Instituto Politécnico de Saúde do Norte

30 setembro 2008
  |  Partilhar:

Cerca de um terço das crianças portuguesas entre os três e os dez anos sofre de doenças nos pés, revela um estudo do Instituto Politécnico de Saúde do Norte (IPSN) a que a agência Lusa teve acesso.
 

 

As doenças mais frequentes detectadas neste estudo, que envolveu 1650 crianças, são o Pé Plano, Pé Valgo, Hiperhidrose e Onicocriptoses e Verrugas Plantares.
 

 

Apesar de 45% dos encarregados de educação mencionarem ter conhecimentos sobre a podologia, apenas 14% reconheceram a importância de uma consulta de Podologia Infantil para rastrear possíveis doenças nos pés.
 

 

O mesmo estudo revela também que 47% das crianças usa um calçado pouco adequado às necessidades de controlo de estabilidade do pé e do caminhar, assim como não respeita as necessidades de respiração do pé.
 

 

Os resultados indicam ainda que a obesidade infantil está associada em, 12% dos casos, a algumas patologias dos pés.
 

 

A atenção ao tipo do caminhar, a escolha do calçado, a atenção ao desgaste e deterioração do calçado, o posicionamento dos joelhos, os hábitos de sentar e deitar, trocar de calçado diariamente, não andar descalço em locais públicos e examinar regularmente os pés, são alguns cuidados especiais a ter com as crianças.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.