Tuberculose dissemina-se em Londres

Alerta publicado na revista “The Lancet”

28 dezembro 2010
  |  Partilhar:

Londres tornou-se uma das "capitais mundial da tuberculose", segundo os resultados de um estudo da Universidade de Londres, publicado na revista “The Lancet”, que considera um aumento de novos casos na ordem de 50% na última década.

 

Os autores do estudo advertem que o Reino Unido é o único país da Europa Ocidental onde o diagnóstico de novos casos está a aumentar drasticamente. Segundo dão nota, na última década registaram-se nove mil casos, desse total, 40% dos infectados vivem na cidade de Londres.

 

A tuberculose, que causa mais de 1,7 milhões de mortes por ano em todo o mundo, teve, em certos períodos históricos, uma alta incidência na Grã-Bretanha. Em 1660, por exemplo, a taxa de pessoas infectadas em Londres chegou a ser mil casos por 100 mil habitantes. Contudo, segundo explicaram os autores do estudo à BBC, no início de 1980, os especialistas consideraram que a doença estava "controlada" no país e foram reduzindo significativamente os programas de controlo contra a doença. Mas, segundo disse à BBC, o líder da investigação, Alimuddin Zumla, “a tuberculose regressou a Londres e com sede de vingança”. Na realidade, sublinha o cientista, o número de infectados poderá ainda ser maior, dado que os actuais testes de diagnóstico são capazes de detectar apenas 70% dos casos activos.

 

Sobre o perfil actual dos pacientes infectados, o investigador constatou que o maior aumento de casos tem sido registado entre os grupos de pessoas que não nasceram no Reino Unido. Assim, em 2009, a maior percentagem foi em negros (28%) e indianos (27%).

 

Segundo o investigador, a situação actual no Reino Unido é semelhante à que ocorreu nas prisões dos EUA, principalmente em Nova Iorque e Califórnia, em 1990, quando um surto de tuberculose multirresistente conduziu à necessidade de se realizar um programa drástico e muito dispendioso.

 

Perante a situação, os autores recomendam a realização de medidas urgentes que incluam a revisão das estratégias actuais e dos serviços contra a tuberculose, estabelecer programas de controlo da doença em Londres e melhorar a acessibilidade e a resposta dos serviços de saúde.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.