Tratar dos dentes pode reduzir partos prematuros

Infecções nas gengivas aumentam produção de prostaglandina

27 fevereiro 2004
  |  Partilhar:

Um simples tratamento dentário pode reduzir os riscos de parto prematuro para a mulher. Isso é o que sugere um estudo publicado no Journal of Periodontology, na Grã-Bretanha.O estudo mostrou que tratar a doença periodontal – a infecção de tecidos da gengiva – pode reduzir nascimentos prematuros em 84 por cento. Os médicos descobriram que as infecções peridontais graves levam a um aumento na produção de prostaglandina, uma das substâncias que podem induzir ao parto. Os bebés prematuros correm maior risco de desenvolver problemas pulmonares e gastrointestinais, perda de audição e visão ou até de morrer. No estudo, os investigadores examinaram 366 mulheres grávidas com infecções peridontais, que podem afectar a raiz dos dentes, além da própria gengiva. As pacientes tiveram uma limpeza geral dos dentes com a remoção de placa, tártaro e bactéria e aplicação de cálcio. Um grupo tomou antibiótico e outro, um placebo. Segundo Marjorie Jeffcoat, da Universidade do Alabama, e chefe da equipa de investigadores, não houve provas de que o uso de antibiótico fosse particularmente benéfico nesse estudo. Mas ficou claro que as mulheres que receberam tratamento dentário antes da 35ª semana de gestação tiveram reduzido o risco de dar à luz prematuramente.Fonte: Diário de Notícias

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.