Tratamentos inovadores contra o cancro com acesso facilitado

Decisão do Ministério da Saúde

09 junho 2010
  |  Partilhar:

O Ministério da Saúde está a estudar uma forma de permitir o acesso dos doentes oncológicos a tratamentos inovadores sem que isso aumente os encargos do Sistema Nacional de Saúde (SNS), através de um acordo de riscos partilhados com a indústria farmacêutica, noticia o jornal “Correio da Manhã”.

 

Segundo o mesmo jornal, o plano passaria por testar novos medicamentos a um preço inicial mais reduzido e partilhado entre os laboratórios e o SNS. A ideia não é original e já foi posta em prática na Holanda, Bélgica e Reino Unido. Os resultados têm sido positivos nos orçamentos, mas relatórios dos três países referem a necessidade de criar um grupo de trabalho especializado para avaliar o custo/benefício dos medicamentos acordados.

 

Em declarações citadas pelo mesmo jornal, Ricardo da Luz, presidente da Sociedade Portuguesa de Oncologia, todas as políticas que tragam benefícios ao utente são boas. "O que não é aceitável é que os doentes oncológicos não tenham acesso a novos tratamentos apenas por serem caros."

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.