Tratamento para a incontinência urinária feminina de esforço

Centro Hospitalar Cova da Beira utiliza método inovador

07 março 2011
  |  Partilhar:

A correcção cirúrgica da incontinência urinária de esforço com uma técnica de última geração já é possível em Portugal no Centro Hospitalar Cova da Beira (CHCB), um dos primeiros do país a realizar este procedimento.

 

A incontinência de esforço ocorre quando existe um aumento de pressão no abdómen, como tossir, espirrar, rir, pegar em pesos e, nos casos mais graves, até com o simples caminhar.

 

A nova técnica consiste na colocação de uma prótese sintética (polipropileno), que é implantada mediante uma incisão única e muito pequena, com anestesia local, em tempo cirúrgico curto (5 a 6 minutos), com menos sangramento, menos dor e um período de recuperação muito mais reduzido, com alta no próprio dia. Além disso, possui um dos índices de fixação mais elevado e total precisão na tensão desejada.

 

De acordo com uma notícia publicada no Portal da Saúde (sítio do Ministério da Saúde), por ano, são, em média, intervencionadas no CHCB cerca de 120 mulheres, com uma taxa de sucesso na ordem dos 98%, verificando-se a cura total em 85 a 88% das situações.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.