Tráfico de órgãos em Moçambique

Renamo denuncia mais desaparecidos em Nampula

25 março 2004
  |  Partilhar:

A Renamo, o maior partido da oposição moçambicana, denunciou, esta semana, o desaparecimento nas últimas semanas de mais duas crianças em Nampula, província do norte do país que tem sido referida como palco de tráfico de órgãos humanos.O deputado da Renamo e membro da Comissão de Petições da Assembleia da República de Moçambique Rui de Sousa disse ter constatado ser «real o fenómeno de desaparecimento de menores»na província.«Há desaparecimentos misteriosos em Nampula. Mais duas crianças desapareceram há quinze dias, mas é difícil provar se o caso está relacionado com o tráfico de menores e de órgãos humanos», disse Rui de Sousa, assegurando que a sua bancada ainda está a investigar as circunstância em que os menores desapareceram. Fonte: Jornal de Notícias

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.