Tomates mimetizam a ação do bom colesterol

Estudo publicado no “Journal of Lipid Research”

22 março 2013
  |  Partilhar:

Investigadores americanos desenvolveram tomates que produzem um peptídeo que mimetiza a ação do bom colesterol, quando consumidos, revela um estudo publicado no “Journal of Lipid Research”.
 

Neste estudo, os investigadores da University of California, nos EUA, criaram tomates capazes de produzir um peptídeo que mimetiza a ação da proteína apoA-1, o principal constituinte do bom colesterol ou HDL.
 

Os investigadores forneceram estes tomates a ratinhos que não tinham a capacidade de remover o colesterol LDL ou mau colesterol do sangue. Estes animais devolviam rapidamente inflamação e aterosclerose quando alimentados com uma dieta rica em gordura.
 

O estudo apurou que os animais alimentados com os tomates geneticamente modificados apresentavam baixos níveis de inflamação, elevada atividade da paraoxonase, uma enzima antioxidante envolvida no colesterol HDL, níveis mais elevados de bom colesterol, níveis reduzidos de ácido lisofosfatídico, um promotor tumoral que acelera a acumulação de placas de gordura nas artérias de modelos animais e menos placa aterosclerótica.
 

Os investigadores verificaram que várias horas após a ingestão de tomates, o peptídeo intacto encontrava-se no intestino delgado, e não no sangue. De acordo com os autores do estudo, estes resultados sugerem que o peptídeo atua no intestino delgado e posteriormente é degradado em aminoácidos antes de ser absorvido no sangue, tal como ocorre com outros peptídeos e proteínas no tomate.
 

“Ao que parece, o mecanismo de ação dos tomates enriquecidos com peptídeo envolve a alteração do metabolismo lipídico no intestino, o qual tem um impacto positivo no colesterol”, revelou, em comunicado de imprensa, um dos autores do estudo, Srinavasa T. Reddy.
 

O investigador refere que caso estes resultados sejam aplicados aos humanos, o consumo de alimentos que contenham peptídeos associados à apoA-1 poderá ajudar no tratamento de várias doenças incluindo a aterosclerose, doença de Alzheimer, cancro do ovário o cólon, diabetes e asma.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.