Todos os dias morrem no mundo 2.270 crianças vítimas de acidentes

Estudo da OMS e da UNICEF

18 dezembro 2008
  |  Partilhar:

Em todo o mundo morrem anualmente cerca de 830 mil crianças e jovens, uma média de 2.270 por dia, devido a acidentes, segundo um relatório divulgado pela Organização das Nações Unidas (ONU).

 

Segundo a investigação realizada em conjunto pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pela UNICEF, as principais causas de morte de crianças e jovens até aos 19 anos são os acidentes rodoviários, afogamentos, queimaduras, quedas e envenenamentos, mas mais de metade destas mortes podiam ser evitadas.

 

Os dados referem-se a 2004 e mostram que as mortes foram provocadas, em 22,3% dos casos, por acidentes rodoviários, em 16,8% por afogamento (no mar, lagos, piscinas, poços e banheiras), 9,1% devido a queimaduras, 4,2% por quedas e 3,9% por envenenamento.

 

Em 31,1% dos casos, a morte foi provocada por picadas de animais venenosos, asfixia, hipotermia, hipertermia e catástrofes naturais. Os homicídios, com 5,8%, os traumatismos auto-infligidos, com 4,4%, e as guerras, com 2,3%, aparecem como as últimas causas de morte nos jovens.

 

Segundo o estudo, África é o continente com a taxa mais alta de vítimas de acidentes rodoviários, seguida pelos Estados da bacia mediterrânica. A região do Pacífico ocidental e o Sudeste Asiático têm as maiores taxas de afogamento e as mortes por queimadura são mais frequentes na Ásia e Médio-Oriente.

 

Fontes: Lusa e El Pais
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.