"Teste da Mulher"

Teste vai para o mercado na quinta-feira

07 março 2012
  |  Partilhar:

Um teste de auto-colheita, para a deteção precoce do papiloma do vírus humano (HPV), responsável pelo cancro do colo do útero, vai ser lançado na quinta-feira, Dia da Mulher, por uma empresa de Coimbra.

 

O novo método apelidado por "Teste da Mulher" é dirigido especialmente a mulheres com mais de trinta anos - "as que correm maior risco de desenvolver o cancro do colo do útero" -, é o primeiro método em Portugal que permite a auto-colheita e “é mais robusto e rápido do que o método clássico - teste de Papanicolau [citologia] - para detetar a presença do HPV”, de acordo com uma nota de imprensa da Universidade de Coimbra (UC) ao qual a agência Lusa teve acesso.

 

Este novo teste foi criado ao longo dos últimos cinco anos pela Infogene, empresa biotecnológica formada por investigadores da UC, e consiste num estojo ("kit") de auto-colheita e por um teste de deteção precoce do HPV.

 

O que o torna único é o facto de ser “um teste muito específico, capaz de identificar os 12 tipos de HPV de alto risco responsáveis pela infeção persistente que causa o cancro do colo uterino e de, em caso de resultado negativo, garantir à mulher um período de tranquilidade três vezes mais dilatado do que o método convencional”, explica Rui Costa, diretor executivo da Infogene, citado no documento da UC.

 

De acordo com Rui Costa, “é um método rápido, simples e seguro, cumprindo todas as normas” da União Europeia.

 

“A mulher, em qualquer momento, com conforto e na sua intimidade, pode efetuar a colheita e enviar para análise. O estojo engloba um dispositivo em forma de ‘varinha’ com uma porção de colheita, um tubo de transporte, um envelope pré-pago para envio da amostra, um folheto de instruções e um formulário de requisição. Após a colheita, a porção de colheita é colocada no tubo de transporte e este é enviado para o laboratório”, revela.

 

Numa primeira fase, o "Teste da Mulher" pode ser adquirido em laboratórios de análises clínicas, mas o objetivo é que, a curto prazo, esteja também disponível em farmácias.

 

Rui Costa revelou ainda à Agência Lusa que em Portugal este é o primeiro método deste tipo a ser comercializado, embora já existam sistemas idênticos noutros países.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 2 Comentar

TESTE DA MULHER

ola
gostaria de saber como aceder ao kit e se e gratuito...
obrigada
maria cardoso

teste da mulher

ola
gostaria de saber como aceder ao kit e se e gratuito...
obrigada
maria cardoso

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.