Teste ao colesterol não precisa de ser feito em jejum

Estudo publicado no JAMA

17 novembro 2009
  |  Partilhar:

Um amplo estudo, publicado no “Journal of the American Medical Association“ (JAMA), refere não ser necessário fazer jejum para realizar o teste de controlo dos níveis de colesterol.

 

Segundo explicou o líder da investigação à BBC, John Danesh, o jejum era recomendado por se pensar que o corpo humano necessitava de tempo para digerir os alimentos e eliminar qualquer partícula de gordura da corrente sanguínea, obtendo-se, deste modo, uma leitura precisa do chamado "mau" colesterol (colesterol LDL ou lipoproteína de baixa densidade).

 

Mas, de acordo com John Danesh, não é necessário estar em jejum quando se realiza a análise ao colesterol. Na metanálise, o cientista verificou que os dados de 68 estudos a longo prazo, realizados em 21 países diferentes, demonstraram que os valores não se modificam mesmo que tenha havido ingestão de alimentos nas horas que precedem a realização da análise. "Estes resultados indicam que as medições de colesterol são tão eficazes - e provavelmente até um pouco mais fiáveis - quando feitas sem jejum", afirma o especialista.

 

O estudo revelou ainda que avaliar os níveis de colesterol HDL e LDL é tão informativo para a previsão do risco de doença cardíaca quanto a análise às apolipoproteínas A-I e B.

 

Segundo o investigador, esta informação tem sido difundida entre a comunidade médica para que os especialistas assinalem a inutilidade de jejuar e passem a testar os pacientes em qualquer ocasião.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 2Média: 3
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.