Telemedicina móvel para controlo de tensão alta e coração

Tecnologia acompanha doentes à distância

13 fevereiro 2003
  |  Partilhar:

Os doentes com tensão arterial alta ou insuficiência cardíaca vão poder beneficiar em breve de um serviço médico à distância que os ajudará a controlar os seus indicadores e a adaptar a respectiva medicação.
 

 

Os doentes poderão até receber um alerta via telemóvel no caso de se terem esquecido de medir a tensão arterial durante dois dias, quando os indicadores revelarem que o seu estado piorou ou algum indicador alcançar um valor limite, indica um estudo divulgado esta semana na Áustria.
 

 

O primeiro trabalho europeu sobre «telemedicina móvel», conduzido pela Clínica Universitária de Graz em colaboração com um centro de investigação em Seibersdorf, Baixa Áustria, e a companhia telefónica austríaca Mobilkom, provou que com o telemóvel é possível poupar muitas consultas de clínica, observar os pacientes e tomar medidas preventivas contra uma eventual crise.
 

 

O doente armazena dados individuais, como a sua pressão sanguínea, peso, frequência cardíaca, estado físico subjectivo e os medicamentos que lhe foram prescritos com a dose exacta num telemóvel equipado com WAP (Wireless Application Protocol), apto para o registo de informação. Esses detalhes são transmitidos a um computador central que os analisa e estabelece um contacto com o médico.
 

 

No próximo mês de Abril, os autores do estudo querem iniciar um outro com vinte doentes diabéticos para lhes controlar o nível de glicose no sangue.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.