Tanorexia: a compulsão pelo bronzeado

Moda destrói pele das jovens inglesas

02 junho 2004
  |  Partilhar:

 Jovens inglesas estão a seguir tão à risca a moda das celebridades extremamente bronzeadas que colocam a sua própria saúde em risco.  Ao tentarem serem parecidas com estrelas como o famoso casal formado pelo jogador de futebol David Beckhan e Victoria, ex-cantora das Spice Girls, muitas adolescentes têm-se submetido, em clínicas de beleza, a várias secções de bronzeado artificial por semana, quando o recomendado por médicos é no máximo uma.O comportamento, fruto da necessidade de aceitação entre grupos de amigas segundo especialistas, pode levar a casos de «tanorexia», nome para a compulsão pelo bronzeado que expõe as jovens ao risco do cancro da pele. A Associação Médica Britânica de Investigação Sobre o Cancro solicitou às clínicas que impeçam menores de 16 anos de se submeter a sessões em câmaras de bronzeado. Uma investigação da BBC demonstrou que sete em cada 10 clínicas escolhidas ao acaso em Newcastle permitiram que Agnes Sharpe, de 14 anos, marcasse uma secção. Segundo a adolescente, as clínicas em geral não perguntaram a idade e algumas nem sequer se importaram quando a preencheu correctamente no registo.No Reino Unido cerca de cem pessoas morrem por ano em consequência directa do bronzeado artificial e muitas outras acabam por sofrer sérios danos na pele. São casos extremos como o de Hayley Barrow, jovem de Liverpool entrevistada pela BBC, que chega a fazer até cinco sessões de solário por semana. «Se não faço uma sessão por dia sinto-me branca, transparente», afirmou a rapariga de 13 anos de idade que não é impedida pela mãe de ir à clínica. O Professor Brian Diffey do Hospital Geral de Newcastle explicou que «a menina está destinada a desenvolver cancro da pele e quando tiver 50 anos vai parecer ter 70 ou 80».Alguns rapazes também estão a viciar-se no bronzeado. Andy Carr, relações públicas de uma discoteca londrina, a «Elite Teens», afirmou que se trata da «Síndrome de Posh e Becks» (em referência ao casal-celebridade): «eles querem ter o mesmo bronzeado, o mesmo visual, o mesmo dinheiro». A Sunbed Association, composta por uma minoria dos profissionais de clínicas, tenta com dificuldade impedir o uso dos solários a menores de 16 anos.Traduzido e adaptado por:Paula Pedro MartinsJornalista MNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.