Tabaco: aumento dos preços é a principal estratégia para limitar consumo

Programa Nacional para a Prevenção e Controlo do Tabagismo

11 setembro 2012
  |  Partilhar:

O aumento dos preços dos produtos do tabaco é para a Direção-Geral de Saúde (DGS) “a principal estratégia para limitar” o seu consumo.

 

A DGS defende também a criação de ambientes 100%livres de fumo do tabaco. Esta posição da DGS consta das orientações programáticas do Programa Nacional para a Prevenção e Controlo do Tabagismo.

 

O documento que a DGS disponibilizou no seu site refere que “o aumento dos preços dos produtos do tabaco é a principal estratégia para limitar o consumo de tabaco, em particular entre os jovens e os grupos populacionais com menores recursos”.

 

A notícia avançada pela agência Lusa refere que especialistas em saúde pública consideram ainda que o uso de pictogramas (imagens dos efeitos nefastos do tabaco na saúde) “deve fazer parte de uma estratégia global de controlo do tabagismo”, uma vez que “aumenta a visibilidade das advertências de saúde, que são mais facilmente recordadas pelos consumidores”.

 

Esta medida contribui “para que muitos jovens não iniciem o consumo e muitos fumadores reduzam o consumo ou façam tentativas para parar de fumar”, além de ser “uma medida sem custos adicionais para os Governos”.

 

O objetivo deste programa é “reduzir a prevalência do consumo de tabaco (diário ou ocasional) na população com 15 ou mais anos em pelo menos dois por cento até 2016” e “eliminar a exposição ao fumo ambiental do tabaco”.

 

Outra medida passa pela “criação de ambientes 100%livres de fumo do tabaco” que “é a única forma de proteger a saúde contra os efeitos prejudiciais desta exposição”.

 

O documento refere ainda que “embora os sistemas de ventilação possam eliminar o cheiro e reduzir a concentração de alguns dos poluentes existentes no fumo ambiental do tabaco, não são suficientes para remover a totalidade destes poluentes”.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 2Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.