Suplementos alimentares podem ser prejudiciais para a saúde

Alerta da endocrinologista Isabel do Carmo

17 junho 2009
  |  Partilhar:

Os suplementos alimentares, utilizados para ajudar a emagrecer, podem ser perigosos para a saúde, ao invés dos suplementos multivitamínicos, que cumprem “um papel importante na alimentação equilibrada”.

 

Em entrevista à agência Lusa, a endocrinologista Isabel do Carmo, directora do Serviço de Endocrinologia do Hospital de Santa Maria, alertou para o facto de as pessoas terem dificuldades em distinguir os suplementos alimentares dos suplementos vitamínicos, dado que, refere, “ambos se vendem nas farmácias e têm um nome muito parecido”.

 

Contudo, segundo explicou a médica, os suplementos vitamínicos, que também se chamam “nutricionais”, são apenas constituídos por vitaminas e sais minerais, não alterando o funcionamento do organismo, enquanto os suplementos alimentares contêm substâncias que vão alterar as funções orgânicas. Estes últimos, sublinhou a especialista, “cumprem apenas funções de emagrecimento e não de complemento, dado os componentes laxantes, diuréticos e estimulantes que integram a sua composição e que são prejudiciais”.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.