Substância do tomate pode ser mais eficaz que estatinas para baixar colesterol

Estudo financiado pela British Heart Foundation

08 setembro 2009
  |  Partilhar:

Quando tomado diariamente, um suplemento natural baseado no licopeno, um componente antioxidante do tomate, pode proteger o coração, ao eliminar o mau colesterol (LDL) acumulado nas artérias.

 

O novo produto, ainda em estudo, foi desenvolvido pela empresa de biotecnologia Cambridge Theranostics Limited (CTL) com financiamento da British Heart Foundation.

 

No estudo, os cientistas testaram o suplemento, denominado “ateronon”, em 150 pessoas com doenças cardíacas e concluíram que a toma diária do produto conseguiu, em apenas oito semanas, reduzir para níveis residuais a acumulação de gordura nas artérias.

 

O licopeno é um antioxidante presente na pele do tomate e que lhe confere a cor vermelha. No entanto, na sua forma natural, a substância é mal absorvida pelo organismo. O que os cientistas desenvolveram com o “ateronon” foi uma versão do antioxidante que é facilmente absorvida pelo organismo.

 

Peter Kirkpatrick, que irá liderar a próxima fase da pesquisa no Hospital Addenbrooke, em Cambridge, explicou à BBC que este novo produto poderá ser muito mais eficaz que as estatinas, actualmente prescritas para baixar os níveis de mau colesterol.

 

Contudo, os especialistas lembram que são necessárias mais experiências para aferir a eficácia do tratamento antes que este chegue ao consumidor final e aconselham os doentes com problemas cardíacos a confiar na medicação prescrita pelo seu médico e a seguir uma dieta mediterrânica, consumindo muita fruta e vegetais frescos.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.