Substância do caril pode prevenir danos no fígado

Estudo da Universidade de Saint Louis

17 novembro 2010
  |  Partilhar:

A curcuma ou curcumina, composto que dá a cor amarela ao caril, é uma arma para prevenção ou tratamento de lesões no fígado de uma forma avançada de esteato-hepatite não alcoólica, revela um estudo da Universidade de Saint Louis, EUA.

 

A curcurmina está presente no açafrão, uma planta usada pelos chineses no fabrico de remédios tradicionais há milhares de anos. Neste estudo recente, os investigadores destacam o seu potencial na luta contra um tipo cada vez mais comum de doença hepática, denominada esteato-hepatite não alcoólica (EHNA).

 

Relacionada com a obesidade, a EHNA afecta entre 3 a 4% dos adultos norte-americanos e pode levar a um tipo de dano do fígado chamado fibrose hepática e, eventualmente, cirrose, cancro de fígado e morte. "Embora para as investigações num modelo animal e humano sejam necessários ensaios clínicos, o nosso estudo sugere que a curcumina pode ser uma terapia eficaz para tratar e prevenir a fibrose hepática, que é associada à esteato-hepatite não alcoólica", assegurou, em comunicado de imprensa, o líder da investigação, Anping Chen.

 

Altos níveis de glicose no sangue, leptina e insulina são frequentemente encontrados em pacientes com obesidade e diabetes tipo 2, factores que podem contribuir para a fibrose hepática associada à EHNA. Neste estudo, Chen testou o efeito da curcumina sobre os níveis elevados de leptina. Altos níveis de leptina activam as células de Ito, células que causam a sobreprodução da proteína colágenio, uma característica importante da fibrose hepática.

 

Os investigadores descobriram que entre outras actividades, a curcumina elimina os efeitos da leptina sobre a activação das células de Ito, responsáveis pelo desenvolvimento acelerado de danos hepáticos. A equipa de Chen vai prosseguir com o estudo do mecanismo molecular da fibrose hepática e na procura de formas naturais para prevenir e tratar essa lesão hepática.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.