SNS vai receber 238,3 milhões de euros em dívidas

Governo estuda «medidas para regularizar situação»

27 outubro 2005
  |  Partilhar:

O Serviço Nacional de Saúde (SNS) cobrou este ano menos de metade dos serviços que prestou. Deste modo, o SNS tem a receber 238,3 milhões de euros. O secretário de Estado da Saúde, Francisco Ramos, que falava esta semana na Assembleia da República a propósito do Orçamento do Estado para 2006, anunciou que o Governo está a estudar “medidas para regularizar esta situação”. Os dados apresentados aos deputados indicam que em 2005 o Serviço Nacional de Saúde (SNS) prestou serviços no valor de 436,1 milhões de euros aos subsistemas públicos e privados, incluindo também as taxas moderadoras. Destes 436,1 milhões de euros, o SNS cobrou 197,8 milhões de euros, estando ainda 238,3 milhões de euros por liquidar. Os subsistemas públicos, ADSE, Forças Armadas, Forças Militarizadas, Serviços Sociais e instituições do Estado, são os maiores devedores. Consumiram serviços no valor de 304,1 milhões de euros e pagaram 112,6 milhões de euros. Os subsistemas privados, SAMS, CTT e PT, seguros, bem como outros subsistemas e clientes, consumiram 86,9 milhões de euros em serviços do SNS e pagaram 42,3 milhões de euros. Fonte: LusaMNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.