Singapura autoriza clonagem de embriões humanos para investigação

Estado passa a ser um dos mais liberais na matéria

18 julho 2002
  |  Partilhar:

O governo de Singapura vai permitir a clonagem de embriões humanos para alguns projectos científicos, o que confere a esta ilha-Estado uma das legislações mais liberais em matéria de investigação com células estaminais.
 

 

As autoridades de Singapura esperam que esta legislação permita às empresas locais assumirem um papel de liderança na investigação com células estaminais (também chamadas células mãe, precursoras ou indiferenciadas), que se espera venha a gerar lucros e a cura para algumas doenças.
 

 

O porta-voz do primeiro-ministro, Tony Tan, confirmou que o governo aprovou um conjunto de recomendações produzidas em Junho por um Comité de Bioética, designado pelo executivo.
 

 

As novas leis permitem aos cientistas clonar embriões humanos e extrair destes células estaminais.
 

 

Aos cientistas de Singapura será permitido conservarem os embriões clonados vivos durante 14 dias.
 

 

Alguns grupos religiosos de Singapura já se opuseram a qualquer tipo de investigação com células estaminais, defendendo que o embrião humano é uma vida desde o momento da concepção.
 

 

Tan afirmou que vai ser criado um quadro legal rígido para assegurar que a criação de embriões clonados se limita a projectos de investigação com "reconhecido interesse científico" ou "potenciais benefícios médicos".
 

 

As células estaminais são células não programadas que se encontram na primeira fase de desenvolvimento dos embriões e podem, quando cultivadas em laboratório, desenvolver-se em quase qualquer tipo de tecidos do corpo.
 

 

Espera-se que a investigação neste campo abra um novo capítulo da medicina, aumentando a esperança de cura e prevenção de doenças como Parkinson, diabetes e alguns tipos de cancro.
 

 

 

Fonte: Lusa
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.