Sida nos jovens está a diminuir

Dados do relatório anual da ONUSIDA

14 julho 2010
  |  Partilhar:

A prevalência de VIH (vírus causador da sida) nos jovens entre os 14 e os 25 anos caiu mais de 25% em 15 dos 25 países mais afectados pela epidemia, sobretudo na África subsariana, segundo o relatório anual da ONUSIDA, a agência das Nações Unidas de luta contra a sida, citado pela agência Lusa.

 

De acordo com o relatório, na Costa do Marfim, Etiópia, Quénia, Malawi, Namíbia, Tanzânia, Zâmbia e Zimbabué, a diminuição tem sido acompanhada por mudanças positivas nos comportamentos sexuais. Também no Burundi, Lesoto, Ruanda, Suazilândia, Bahamas e Haiti, os jovens diminuíram o número de parceiros, utilizaram mais vezes o preservativo e esperaram mais tempo para iniciar a sua vida sexual. Apesar destas alterações positivas, ainda há cerca de 5 milhões de jovens infectados com VIH.

 

O relatório adianta ainda que a epidemia estabilizou na maior parte das regiões, apesar de os índices continuarem a subir no leste da Europa e no centro da Ásia. A África subsariana continua a ser a região mais afectada do mundo, já que, em 2008, registou 71% das novas infecções mundiais.

 

Trinta anos depois de descoberta a epidemia, pelo menos 60 milhões de pessoas foram infectadas e cerca de 30 milhões morreram na sequência de complicações originadas pelo contágio. Dos 33,4 milhões de pessoas que vivem actualmente com o vírus, metade são mulheres.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.