Sida: HIV genital pode não ser o responsável pela infecção ao parceiro

Estudo publicado no PNAS

02 dezembro 2011
  |  Partilhar:

A estirpe predominante do HIV-1 (vírus causador da sida) no tracto genital de uma pessoa pode não ser a estirpe responsável pela infecção ao parceiro sexual, um estudo publicado na revista científica Proceedings of the National Academy of Sciences (PNAS).

 

Estudos anteriores descobriram uma variedade de estirpes do vírus no tracto genital de pessoas infectadas pelo HIV, mas a estirpe infectante durante a transmissão heterossexual, o principal modo de infecção em todo o mundo, muitas vezes, permanece desconhecida.

 

O estudo, liderado por Eric Hunter, foi feito com apoio dos programas de pesquisa de HIV no Ruanda e na Zâmbia. Os cientistas analisaram material (fluidos vaginais, sémen e sangue) de oito casais heterossexuais assim que o diagnóstico de HIV foi confirmado no segundo parceiro. Em seis desses oito casos, a transmissão foi da mulher para o homem.

 

Os autores sequenciaram as proteínas do vírus e descobriram apenas uma variante genética no tracto genital dos parceiros que parecia ser responsável pela infecção. No entanto, os autores relatam que a estirpe infectante não foi a mais comum no tracto genital do parceiro cronicamente infectado, sugerindo que a transmissão genital do vírus não ocorre de forma aleatória. Em vez disso, os autores sugerem, a existência de estirpes mais aptas para ajudar o vírus a infectar os novos hospedeiros.

 

Embora seja quase impossível estabelecer, com precisão, a distribuição de estirpes no tracto genital no momento da transmissão, as descobertas podem ajudar a melhorar as estratégias que visem conter a propagação do vírus, de acordo com os autores.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.