Ser boa ou má mãe depende dos genes

Ratinhos estudados revelam comportamentos diferentes

08 janeiro 2003
  |  Partilhar:

A diferença entre uma mãe que cuida bem dos seus filhos e outra «desnaturada» pode estar também nos genes. Pelo menos é o que sugere um estudo conjunto com investigadores brasileiros e norte-americanos. O estudo procurou mostrar as bases genéticas da diferença de comportamento de ratinhos fêmea que cuidavam muito bem das suas crias e de outras que não ligavam à sua prole.
 

 

O cuidado com os filhotes, ou «desempenho maternal», revelou ser influenciado por vários genes ao mesmo tempo. Esses genes também interagem entre eles, tornando ainda mais complexa a tarefa de associar o material genético de um ser vivo (as partes do seu genoma) com os seus comportamentos.
 

 

O estudo poderá ser útil no futuro para investigações semelhantes com animais em risco de extinção, nomeadamente aqueles cuja reprodução em cativeiro é difícil.
 

 

O estudo, que foi publicado em Novembro na revista científica especializada «Genetics» (www.genetics.org), resultou da observação laboratorial do comportamento de ratinhos fêmeas.
 

 

Certas fêmeas não mostravam cuidados maternos com os filhotes. As ratinhas não se importavam em construir ninhos e não agrupavam os seus filhotes, deixando as crias espalhadas pela gaiola. Também não comiam a placenta nem lambiam os filhotes para os limpar. Nem ligavam se alguém fosse mexer nos ratinhos-bebé.
 

 

As «mães atentas», como a equipa as definiu, tentavam morder a mão dos investigadores e podiam até comer o cadáver dos filhotes mortos devido à sua negligência. Apenas 31 das 241 fêmeas estudadas não pertenciam ao núcleo de «mães atentas».
 

 

Traduzido e adaptado por:
 

Paula Pedro Martins
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.