Segundo ensaio de terapia hormonal interrompido nos EUA

Tratamento não produzia os resultados desejados

04 março 2004
  |  Partilhar:

Responsáveis pela investigação pública norte-americana suspenderam um ensaio de terapia hormonal à base de estrogéneos por este tratamento não produzir os resultados desejados nas mulheres e aumentar o risco de acidentes vasculares cerebrais.Trata-se do segundo ensaio de terapia hormonal de grande amplitude interrompido antes do seu termo nos Estados Unidos, depois do que combinava estrogéneo e um progestativo, suspenso em meados de 2002 devido a riscos de problemas cardíacos e vasculares cerebrais.O último ensaio a que os Institutos Nacionais de Saúde (NIH) dos Estados Unidos puseram termo abrangia 11.000 mulheres que seguiam um regime à base unicamente de estrogéneo, «que não parece afectar a doença cardíaca (nem aumentar, nem reduzir), uma questão chave do estudo».«Simultaneamente, o estrogéneo parece aumentar o risco de ataque cerebral e reduzir os riscos de fractura da bacia, não tendo aumentado o risco de cancro da mama durante o estudo», que durou sete anos - refere um comunicado de Barbara Alving, directora do Instituto Nacional do Coração, Pulmões e Sangue, dependente dos NIH.O abandono, em 2002, do primeiro estudo dos efeitos de um tratamento hormonal combinado fora recebido com surpresa e inquietação por centenas de milhar de mulheres, numa altura em que os médicos recomendavam este tratamento, pensando que reduzia os riscos de doença cardíaca, osteoporose e os efeitos da menopausa.A decisão agora anunciada confirma o fraco interesse por este tipo de tratamento quando comparado com o risco cérebro-vascular que faz correr às pacientes, «semelhante ao do ensaio interrompido em 2002», segundo os NIH.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.