Sarampo detectado no festival de música electrónica de Idanha-a-Nova

Direcção Geral da Saúde acciona sistema europeu de alerta

01 setembro 2010
  |  Partilhar:

Um jovem inglês foi diagnosticado com sarampo, na semana passada, quando se encontrava no festival de música electrónica de Idanha-a-Nova, "Boom", levando as autoridades a accionar um alerta europeu. Mas, segundo a Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro, o caso "não representa risco para a população portuguesa".

 

"Como na população portuguesa a taxa de cobertura vacinal contra o sarampo é muito elevada - cerca de 94% - existe a chamada imunidade de grupo, não há condições epidemiológicas de transmissão", garantiu à agência Lusa, Eugénio Cordeiro, do Departamento de Saúde Pública e Planeamento da ARS do Centro.

 

O jovem de 23 anos que, por opção familiar, nunca tinha sido imunizado e teria contraído a doença através de um irmão, esteve hospedado num hotel da zona, levando a Direcção Geral da Saúde (DGS) a lançar, na sexta-feira, o sistema europeu de Alerta e Resposta Precoce, sediado no Centro de Prevenção e Controlo de Doenças, em Estocolmo.

 

Ao hotel onde esteve hospedado foi recomendado que apurasse se havia outros clientes com doenças crónicas ou que não estivessem vacinados contra a doença. Os serviços de saúde foram alertados para a possibilidade de surgirem mais casos nos próximos dias.
No festival participaram, segundo a organização do evento, cerca de 50 mil pessoas.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.