Sangue umbilical também pode curar leucemia nos adultos

Possibilidade para doentes que não conseguem encontrar dadores

29 novembro 2004
  |  Partilhar:

O sangue do cordão umbilical, utilizado até agora para tratar com êxito leucemia nas crianças, poderá também salvar dezenas de milhar de adultos afectados por este tipo de cancro, indicam dois estudos publicados na semana passada.Rico em células estaminais, este sangue pode substituir enxertos de medula óssea em adultos que não conseguem encontrar dadores compatíveis, segundo trabalhos de duas equipas de investigadores, uma norte-americana e outra europeia, divulgados pelo New England Journal of Medicine.Cerca de 16 mil adultos com leucemia poderão ser salvos por ano graças ao sangue proveniente de cordões umbilicais, por não encontrarem um dador compatível de medula óssea, estima Mary Laughlin, do Centro de Oncologia de Cleveland (Ohio).O estudo europeu (682 doentes) mostrou que os pacientes que receberam sangue umbilical tinham dois anos depois tantas hipóteses de curar a sua leucemia como os do grupo que recebeu enxertos de medula óssea. O estudo norte-americano (601 doentes), que durou três anos, deu resultados igualmente prometedores.Os leucémicos são tratados por quimioterapia ou radiações para destruir as células cancerosas, o que enfraquece o seu sistema imunitário, que os médicos reconstituem com transfusões de sangue provenientes do cordão umbilical ou com enxertos de medula óssea.Os dois estudos basearam-se em transfusões e enxertos realizados entre o final dos anos 90 e o início dos anos 2000.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.