Sampaio alerta para riscos da privatização da gestão dos hospitais

PR apela a uma maior exigência dos portugueses

27 maio 2004
  |  Partilhar:

O Presidente da República alertou na quarta-feira para os riscos decorrentes da privatização da gestão hospitalar e apelou a uma maior exigência dos portugueses no que respeita à concepção do sistema de saúde.Jorge Sampaio sublinhou que as novas formas de gestão, nomeadamente o estatuto de sociedades anónimas de capitais exclusivamente públicos atribuído a mais de três dezenas de hospitais, «exigem uma especial atenção para riscos que até agora se encontravam relativamente desvalorizados no nosso sistema».O Presidente falava na sessão inaugural do 10º congresso nacional de Medicina Interna, que começou num hotel de Vilamoura, concelho de Loulé, com a presença prevista de cerca de 1.500 médicos. Encerrando a sessão de abertura do evento, Sampaio alertou para a necessidade de acautelar os riscos da construção e gestão de novos hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) por empresas privadas e da concessão da gestão de unidades públicas de saúde a operadores privados.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.