Salmonella ajuda no combate às células tumorais

Estudo publicado na “Science Translational Medicine”

15 agosto 2010
  |  Partilhar:

A exposição de células tumorais à Salmonella pode induzir uma resposta imunológica capaz de as matar, revela um estudo publicado na “Science Translational Medicine”.
 

De acordo com os autores do estudo, liderado por Maria Rescigno, na primeira fase do desenvolvimento dos tumores, as células do sistema imunológico – as células dendríticas – são capazes de reconhecer as células tumorais como agentes invasores e induzir à sua eliminação. Contudo, à medida que as células cancerígenas proliferam, estas tornam-se “invisíveis” para as células do sistema imunológico. Isto deve-se ao facto de os níveis da proteína conexina 43, que forma pequenos canais de comunicação entre os diferentes tipos de células, diminuírem à medida que o cancro se desenvolve.
 

Neste estudo, os investigadores do European Institute of Oncology, em Milão, Itália, inocularam Salmonella geneticamente modificada (para não causar doença) em ratinhos com cancro e em linhas celulares de melanoma humano, tendo constatado que este microorganismo aumentava os níveis da conexina 43 à superfície das células tumorais. Como resultado, formaram-se novos canais de comunicação, permitindo a activação das células do sistema imunológico e a eliminação das células cancerígenas.
 

Em comunicado de imprensa, os autores do estudo revelaram que esta técnica também permitiu que  o cancro não se disseminasse para outros locais nos ratinhos, sugerindo assim uma potencial estratégia preventiva de vacinação.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.