Rotinas de sono afetam cérebro das crianças

Estudo publicado no “Journal of Epidemiology and Community Health”

11 julho 2013
  |  Partilhar:

O cérebro das crianças é afetado pelas rotinas de sono, dá conta um estudo publicado, no “Journal of Epidemiology and Community Health”.
 

Para o estudo os investigadores contaram com a participação de mais 11.000 crianças com 7 anos de idade, tendo analisado se as diferentes rotinas de sono na primeira infância poderiam afetar a sua capacidade cerebral.
 

As crianças, nascidas entre 2000 e 2002, bem como as suas famílias foram questionadas sobre as suas rotinas diárias aos 3, 5 e 7 anos de idade.
 

O estudo apurou que os horários para dormir mais irregulares ocorriam aos três anos de idade, com uma em cinco crianças a ter horas de deitar distintas. Aos setes anos de idade, mais de 50% das crianças deitava-se regularmente entre as 19h30 e 20h.

 

Os rapazes e raparigas que tinham horários de sono irregulares, aos três anos, tinham baixas pontuações nos testes realizados. De acordo com os investigadores, estes resultados sugerem que a idade dos três anos pode ser um período sensível no que diz respeito ao desenvolvimento cerebral.
 

Os investigadores constataram também que aos sete anos de idade, as raparigas que tinham hábitos de sono irregulares tinham pontuações mais baixas nas áreas avaliadas, nomeadamente leitura, matemática e consciência espacial, comparativamente com aquelas que tinham horários regulares.

 

Os autores do estudo acreditam que os horários de deitar irregulares podem alterar o ritmo natural do organismo e causar privação de sono, podendo prejudicar o cérebro e a sua capacidade de adquirir e reter informação.
 

“O desenvolvimento infantil inicial tem um profundo efeito na saúde e bem-estar ao longo do curso da vida. Desta forma, reduzir ou interromper o sono, especialmente se ocorrer em momentos chave do desenvolvimento, pode ter um impacto importante na saúde durante toda a vida”, concluíram os investigadores.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.