Risco de DPOC pode revelar-se durante a adolescência

Achados publicados no “New England Journal of Medicine”

27 julho 2015
  |  Partilhar:

A doença pulmonar obstrutiva crónica (DPOC) é uma das principais causas de morte em todo o mundo. À DPOC é normalmente associado um declínio acelerado da função pulmonar. No entanto, cientistas dinamarqueses revelam que nem sempre este declínio se verifica.
 

Durante décadas, considerou-se que o desenvolvimento da DPOC estaria associado a uma aceleração do declínio da função pulmonar, que seria o resultado da alteração da função pulmonar normal atingida durante o início da idade adulta.
 

Contudo, um estudo da Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, revela que nem todos os pacientes em risco de desenvolver DPOC apresentam declínio acelerado da função pulmonar. Isto pode explicar por que razão tem sido difícil determinar os efeitos de tratamentos para este declínio de função pulmonar.
 

A investigação baseou-se em dados de três grandes coortes em que os indivíduos foram sujeitos a várias medições da função pulmonar ao longo de vários anos. Em dois dos coortes, o período de acompanhamento mais longo durou cerca de 25 anos.
 

Pela primeira vez os cientistas foram capazes de determinar com precisão duas trajetórias principais da função pulmonar que conduzem à DPOC: a trajetória do declínio acelerado, em que a função pulmonar diminui muito rapidamente; e a trajetória alternativa em que o desenvolvimento subótimo da função pulmonar durante a infância e adolescência pode ser fator importante de desenvolvimento de DPOC no futuro.
 

Segundo este estudo, e contrariando a crença generalizada de que todas as pessoas com DPOC experimentavam um declínio acelerado da função pulmonar, apenas cerca de 50% das pessoas que desenvolvem DPOC apresentam um declínio acelerado da função pulmonar com as restantes 50% a apresentar uma função pulmonar próxima do normal.
 

“Esta doença crónica de longo prazo [DPOC] pode desenvolver-se de diferentes formas, por isso, ter um desenvolvimento normal da função pulmonar no início da idade adulta é um fator importante em termos de risco futuro”, explicou Peter Lange, um dos autores do estudo.
 

Esta investigação e os seus achados poderão ajudar a melhor compreender o desenvolvimento da DPOC e desempenhar um papel importante na prevenção de novos casos.
 

“Portanto, deverão ser realizados todos os esforços para se obter um desenvolvimento normal da função pulmonar, o que pode incluir não fumar durante os anos da adolescência, tratar a asma na infância e reduzir a exposição a agentes como o fumo passivo”, conclui Lange.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.