Risco de asma aumenta com exposição a fungos

Estudo publicado no “Journal of Allergy and Clinical Immunology”

09 agosto 2012
  |  Partilhar:

A exposição a determinados fungos durante a infância aumenta o risco de asma nas crianças, sugere um estudo publicado no “Journal of Allergy and Clinical Immunology”.
 

Neste estudo, os investigadores da University of Cincinnati, nos EUA, avaliaram anualmente o desenvolvimento de alergias e de problemas respiratórios de cerca de 300 crianças durante os seus primeiros quatro anos de vida e posteriormente aos sete anos. Os investigadores liderados por Tiina Reponen também monitorizaram a presença de alergénios e fungos nas habitações. Todas as crianças tinham pelo menos um pai com problemas de alergias.
 

O estudo apurou que 25% das crianças, cujos pais tinham alergias, sofriam, aos sete anos de idade, de asma. Entre os vários contaminantes avaliados, apenas a exposição aos fungos foi considerada um fator de risco para o desenvolvimento de asma na infância.
 

“Estudos anteriores já tinham relacionado a exposição aos fungos com o agravamento dos sintomas de asma, mas as espécies e as concentrações de fungos permaneciam desconhecidas, o que dificultava o desenvolvimento de ferramentas capazes de combater este problema”, revelou, em comunicado de imprensa, a investigadora.
 

Os autores utilizaram assim uma ferramenta desenvolvida pela agência de proteção ambiental, tendo constatado que a exposição ao Aspergillus ochraceus, Aspergillus unguis e Penicillium variabile estava associada ao desenvolvimento da asma.
 

“Estes resultados sugerem que os fungos presentes no interior das habitações contribuem para o desenvolvimento da asma e chamam a atenção para a necessidade de tratar as infiltrações de água, que são particularmente comuns nas casas de famílias com um baixo poder económico”, disse a investigadora.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.