Resveratrol pode reverter efeitos benéficos da atividade física

Estudo publicado na revista “Applied Physiology, Nutrition and Metabolism”

05 novembro 2014
  |  Partilhar:

Contrariamente à crença popular, os suplementos de resveratrol podem reverter os benefícios decorrentes da prática de exercício físico, sugere um estudo publicado na revista “Applied Physiology, Nutrition and Metabolism”.
 

Estudos anteriores tinham constatado que o resveratrol, um composto encontrado nomeadamente nas uvas vermelhas, poderá ajudar no tratamento de várias condições como a acne, doença cardíaca e cancro. Contudo, outros estudos obtiveram resultados contrários. Um estudo conduzido pela Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, sugeriu que o resveratrol poderia neutralizar os benefícios do exercício cardiovascular em homens idosos.
 

De forma a tentar elucidar esta questão, os investigadores da Universidade de Queen´s, no Canadá, recrutaram 16 homens que praticavam habitualmente três horas semanais de exercício físico aeróbico. No entanto, no início do estudo os participantes foram submetidos a um treino mais intenso, três vezes por semana, ao longo de quatro semanas. Os homens receberam 150 mg diárias de suplementos de resveratrol ou um placebo.
 

Após quatro semanas, os investigadores constataram que a toma de suplementos de resveratrol contrariava os efeitos benéficos do exercício. Na verdade, o estudo apurou que a condição física dos participantes que tinham tomado resveratrol não tinha melhorado ao fim das quatro semanas. No entanto, aqueles incluídos no grupo de placebo apresentaram melhorias associadas à prática de exercício físico, incluindo o aumento da expressão do gene SOD2, que está associada à proteção do coração durante a prática de exercício.
 

"Os nossos resultados mostram que a prática de exercício físico e a toma de suplementos de resveratrol podem alterar a resposta normal do organismo à atividade física induzida pelo intervalo de treino de alta intensidade. Os dados obtidos ao longo do estudo demonstram claramente que os suplementos de resveratrol não aumentam a capacidade de treino, mas podem prejudicar o efeito que a atividade física tem no organismo”, conclui o líder do estudo, Brendon Gurd.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.