Resistência aos antibióticos pode vir a ser ultrapassada

Estudo publicado no “Journal of the American Chemical Society”

14 abril 2014
  |  Partilhar:

Investigadores americanos defendem que é possível combater as “super” bactérias com antibióticos convencionais e com a ajuda de uma nova classe de agentes, os metalopolímeros, dá conta um estudo publicado no “Journal of the American Chemical Society”.
 

O Staphylococcus aureus resistente à meticilina (SARM) é uma das principais causas das infeções adquiridas no meio hospitalar. A infeção de indivíduos vulneráveis por esta bactéria resistente aos antibióticos causa pneumonia ou outro tipo de condições fatais.
 

O estudo refere que o SARM adquiriu vários mecanismos para resistir à ação dos fármacos. Uma das formas de resistir aos antibióticos convencionais, como as penicilinas e cefalosporinas, envolve a produção de enzimas que os inativam.
 

Apesar de a comunidade científica ter tentado desenvolver novos agentes capazes de anular o efeito destas enzimas, nenhuma das tentativas teve, até à data, sucesso.
 

Contudo, neste estudo os investigadores da Universidade do Sul da Carolina, nos EUA, constataram que várias estirpes de SARM sucumbiram aos antibióticos convencionais quando estes foram conjugados com os metalopolímeros.
 

O estudo revelou como a combinação dos antibióticos e destes agentes anulava a ação das enzimas bacterianas, destruía a sua membrana protetora fazendo com que a células bacterianas rebentassem.
 

Na opinião dos autores do estudo, estes agentes apresentam poucos efeitos secundários, uma vez que não parecem interagir com os eritrócitos.
 

“Estes achados podem fornecer uma nova via para o desenho de estruturas macromoleculares capazes de regenerar a vitalidade dos antibióticos convencionais para matar as bactérias multirresistentes e super bactérias”, concluem os investigadores.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.