Resíduos de fármacos presentes nas águas do Douro

Estudo da Cooperativa de Ensino Superior, Politécnico e Universitário

07 setembro 2011
  |  Partilhar:

As águas superficiais do rio Douro estão contaminadas com resíduos de fármacos que podem levar à diminuição da fertilidade dos peixes, indicam os resultados de um estudo da Cooperativa de Ensino Superior, Politécnico e Universitário (CESPU), publicado na “Science of the Total Environment".

 

O estudo, liderado pela investigadora Maria Elizabeth Tiritan, professora da CESPU, confirma a existência de resíduos fármacos, nomeadamente antiepiléticos, ansiolíticos e antibióticos, nas águas superficiais do rio Douro e os seus efeitos nos peixes.

 

O estudo da CESPU, divulgado em comunicado de imprensa, corresponde ao projecto de doutoramento de Tânia Vieira Madureira.

 

Ao longo de um ano, foi avaliada a distribuição de alguns compostos farmacêuticos nas águas superficiais do estuário do Douro, com a realização de uma colheita em cada estação do ano. Os fármacos analisados pertencem a diferentes classes terapêuticas, como o diazepam (ansiolítico), o propranol (bloqueador beta), o ácido fenofíbrico (antidislipidémico), o sulfametoxazol, o trimetoprim (antibiótico) e a carbamazepina (antiepilético).

 

Os resultados, segundo noticia o jornal Diário de Notícias, mostraram que “o composto encontrado em concentrações mais elevadas foi a carbamazepina. A equipa constatou ainda que outros fármacos não analisados no estudo "poderão estar presentes nas águas durienses, existindo, assim, o risco potencial de interferência no equilíbrio dos ecossistemas das espécies aquáticas"."Um dos desequilíbrios mais perigosos prende-se com a feminização dos peixes machos, em consequência, por exemplo, da existência de anticoncepcionais no Douro", referem as investigadoras.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.