Relacionado absentismo laboral por doença a maior risco de morte prematura

Trabalho publicado no “British Medical Journal”

08 outubro 2008
  |  Partilhar:

Pessoas que estão longos períodos de baixa laboral por motivos psiquiátricos, tais como depressão, correm o dobro do risco de morrer de cancro, comparados aos restantes trabalhadores. O estudo foi publicado no “British Medical Journal”.
 

 

Os cientistas estudaram informações de 6,5 mil funcionários públicos britânicos entre 1985 e 1988. Os dados foram comparados com a mortalidade até 2004. No grupo avaliado, 288 pessoas morreram durante o período.
 

 

No grupo estudado, os investigadores observaram uma probabilidade 66% maior de morte prematura em 30% dos funcionários que mais se ausentaram do trabalho por motivos de saúde.
 

 

O maior risco de mortalidade foi observado entre as pessoas que se ausentaram por problemas cardíacos e de AVCs - o que aumentou em quatro vezes o risco de morte prematura.
 

 

As ausências devido a condições respiratórias e infecção também estiveram associadas com um maior risco de morte prematura.
 

 

De acordo com os investigadores, esta foi a primeira vez que um trabalho científico avaliou o impacto das ausências no trabalho por depressão no risco de mortalidade prematura.
 

 

Alert Life Sciences Computing, SA

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.