Redução da mortalidade por Sida

OMS aponta cinco prioridades

07 setembro 2006
  |  Partilhar:

 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) enunciou cinco prioridades para reduzir a mortalidade causada pela epidemia da SIDA no mundo, entre as quais o acesso alargado dos doentes a testes de despistagem e a tratamentos com anti-retrovirais.
 

 

Numa intervenção dirigida ao plenário da conferência internacional da SIDA, em Toronto, Kevin De Cock, director do Departamento de SIDA da OMS, apontou como prioridades: expandir o acesso a testes de despistagem; assegurar aos portadores do vírus "um pacote mínimo de assistência" que inclua vários tipos de terapias e profilaxias; e garantir aos doentes com níveis IV e V a atribuição de tratamento anti-retroviral.
 

 

As restantes duas medidas prioritárias que citou são aumentar pela via laboratorial as capacidades dos testes CD4+ e "definir o tratamento do VIH/SIDA como um bem público global", o que requer o fim do pagamento de taxas para o utilizador.
 

 

Fonte: Lusa
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.