Rastreio a fumadores revela níveis de toxicidade preocupantes

Dados da rede internacional "nãofumomais"

10 outubro 2006
  |  Partilhar:

 

Mais de 70% dos fumadores têm níveis " preocupantes" de toxicidade nos pulmões, segundo um rastreio efectuado pela rede internacional "nãofumomais" entre 18 e 24 de Setembro, na Feira Internacional de Lisboa (FIL).
 

 

Dos 900 fumadores rastreados, mais de metade (51,8%) dos homens e 49,7% das mulheres revelaram níveis de intoxicação de monóxido de carbono "elevados" (com taxas entre 1.76 e 3.20%), enquanto 24,8% dos homens e 23,2% das mulheres registaram "níveis de intoxicação alarmante" (taxa de monóxido de carbono superior a 3.20%), "já com possíveis danos nos pulmões".
 

 

Das mulheres rastreadas, 72,9% apresentavam "níveis de intoxicação elevados" e "alarmantes", sendo que 40% tinha menos de 35 anos. Nos homens, 76,6% dos rastreados apresentaram "níveis de intoxicação elevados e alarmantes", sendo que 36% tinha menos de 35 anos.
 

 

Segundo o comunicado da "nãofumomais", os fumadores com menos de 35 anos "manifestaram preocupação" relativamente "aos níveis de toxicidade que carregam no seu organismo", tendo sido "os que ficaram mais alarmados com os resultados e os mais entusiastas em tomar medidas para deixar de fumar".
 

 

Fonte: Diário de Notícias
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.