Radioterapia de protões: novo método mais eficaz para cancro do pulmão

Estudo apresentado no Fórum da Sociedade Europeia de Radioterapia e Oncologia

29 abril 2015
  |  Partilhar:
O Centro para a Terapia de Protões no Instituto Paul Scherrer, Suíça, desenvolveu um novo método de aplicação da radioterapia de protões no tratamento de cancro do pulmão.
 
O novo método foi apresentado no terceiro fórum da Sociedade Europeia de Radioterapia e Oncologia (ESTRO) a 27 de abril de 2015, em Barcelona, Espanha.
 
A radioterapia de protões oferece um tratamento que incide com maior precisão sobre o tumor e reduz a dose recebida pelos tecidos adjacentes. No entanto, os pulmões, por serem um órgão com movimentação, tornam-se um alvo mais difícil para a radioterapia.
 
Os autores do estudo conseguiram construir um modelo do movimento de respiração que permite a medição precisa de feixes estreitos de radiação num modelo de tumor através da simulação do movimento e propriedades físicas num modelo da anatomia da caixa torácica.
 
Denominada de “rescanning”, a nova técnica de distribuição de dose de radioterapia de protões em tumores do pulmão ajuda a mitigar o efeito do movimento dos pulmões e a desenvolver formas práticas de implementar o procedimento em ambiente clínico.
 
“Descobrimos que a nossa técnica de rescanning conseguiu um bom desempenho a superar o efeito do movimento na dose aplicada no tumor e em movimentos do tumor até um 1 centímetro”, explicou Rosalind Perrin, uma das autoras do estudo.
 
O modelo desenvolvido consiste numa esfera que representa um tumor a movimentar-se num pulmão cheio de ar, dentro de uma caixa torácica, com músculos adjacentes e camadas epidérmicas. O modelo pode ser programado para se movimentar de acordo com os padrões respiratórios de cada paciente.
 
A equipa mediu a dosagem de radiação durante o movimento e apuraram que a técnica de rescanning permitia a aplicação de doses clinicamente aceitáveis no tumor e apenas uma dose muito reduzida nos tecidos adjacentes.
 
O tratamento scanning de protões é uma tecnologia emergente no tratamento do cancro em que um feixe estreito, que consiste em núcleos de hidrogénio acelerados, é incidido sobre o tumor, administrando radiação altamente precisa nas células cancerígenas. 
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.