Quinze prolongam por tempo indefinido interdição das farinhas animais
23 abril 2001
  |  Partilhar:

Os ministros da Agricultura dos Quinze concordaram hoje no prolongamento por tempo ainda indefinido da interdição do uso das farinhas de carne e ossos na alimentação de todos os animais no combate de BSE, que terminava a 30 de Junho.
 

 

A proposta da Comissão Europeia, feita com base nas inspecções veterinárias realizadas nos Estados-membros, será agora apresentada ao Comité Veterinário Permanente antes de ser tomada formalmente por Bruxelas.
 

 

A não aplicação da legislação comunitária, bem como os concelhos científicos, levaram o conselho de ministros a apoiar a proposta, sublinhando a importância da "efectiva aplicação das medidas previstas" pela União Europeia.
 

 

No entanto, os Quinze mantêm-se divididos sobre a duração do prolongamento: uns Estados-membros defendem uma interdição ilimitada, enquanto outros, tal como a Comissão Europeia, preferem uma interdição até à adopção de uma directiva sobre os produtos de origem animal, prevista para o início de 2002.
 

 

Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.