Quer morrer precocemente?

Fumadores morrem em média 10 Anos mais cedo

28 junho 2004
  |  Partilhar:

 Uma das mais longas investigações sobre os riscos do tabaco concluiu que os fumadores morrem, em média, 10 anos mais cedo do que os não-fumadores. A boa notícia é que deixar o vício, mesmo aos 50 anos de idade, pode diminuir o risco para metade, refere o estudo, que levou meio século a ser feito. Já quem é fumador com 30 anos, se decidir parar, tem praticamente as mesmas hipóteses que os não-fumadores de não morrer prematuramente. «Fumar tabaco reduz a expectativa de vida em cerca de 10 anos», disse o professor da Universidade de Oxford, de 91 anos de idade, Richard Doll, que descobriu a relação entre o cancro e os cigarros. «É claro que fumar de forma consistente duplica a mortalidade durante a vida adulta, entre pessoas de idade média e avançada. É também claro que deixar de fumar pode eliminar uma grande parte desse perigo,» afirmou à agência Reuters. Richard Doll e Bradford Hill confirmaram a ligação entre fumar e o cancro do pulmão num célebre estudo publicado no British Medical Journal, a 26 de Junho de 1954. Meio século depois Doll, juntamente com outro professor de Oxford, Richard Peto, dão conta da evolução desses dados nos últimos 50 anos, no mesmo jornal, com base nos resultados recolhidos por 34.439 médicos britânicos. Fontes: Público e Reuters

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.