Quando os pais se tornam mais ativos os filhos seguem-nos

Conclusões de estudo publicado no “Journal of Physical Activity and Health”

06 agosto 2012
  |  Partilhar:

Pais que querem que os filhos aumentem a sua atividade física devem tornar-se eles próprios mais ativos, é a conclusão de um estudo publicado no “Journal of Physical Activity and Health”.
 

Este estudo contou com a participação de 83 famílias num programa desenvolvido para evitar o aumento de peso em crianças com excesso de peso ou obesidade e com idades compreendidas entre os sete e 14 anos de idade.
 

O programa consistia em encorajar a atividade física diária de pais e filhos, dando mais dois mil passos por dia. Os progressos eram registados com um pedómetro.
 

Os resultados revelaram que sempre que as mães atingiam ou excediam os dois mil passos diários, os seus filhos davam, em média, 2.117 passos a mais. Sempre que as mães não atingiam o objetivo diário, os filhos davam apenas 1.175 passos a mais. Os investigadores notaram que as crianças que eram menos ativas quando o programa teve início passaram a dar mais passos adicionais do que aquelas crianças que eram mais ativas.
 

No geral, os cientistas descobriram que por cada mil passos a mais dados pela mãe, os filhos davam mais 196 passos. O mesmo padrão foi ainda detetado entre pais e filhos.
 

“Há muito que se sabe que os níveis de atividade entre pais e filhos estão correlacionados”, refere Kirsten Holm, autora do estudo e professora assistente no National Jewish Health, em Denver, EUA. “[Este estudo] demonstrou que, quando os pais aumentam a sua atividade física, os filhos aumentam também a sua. Os efeitos foram mais pronunciados durante fins de semana”, conclui a autora.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.